Votação da mesa diretora da Câmara de Caracaraí tem confusão e dois vereadores se declaram presidentes


Vereadores Victor da Vip Celular e Santos Junior são do Solidariedade e ambos afirmam ter ganhado eleição. Santos Junior recebeu quatro dos 11 votos; anulou quatro votos de Victor da Vip Celular, que afirma ter vencido a mesa diretora por sete votos. Vereadores Santos Júnior (à direita) e Victor da Vip Celular (à esquerda)
Reprodução/Redes Sociais
A votação para escolha da mesa diretora da Câmara Municipal de Caracaraí, no Sul de Roraima, teve confusão e tumulto nessa sexta-feira (1º). Os vereadores Victor da Vip Celular e Santos Junior, ambos do Solidariedade, disputaram a vaga de chefe do Poder Legislativo e agora os dois se declaram presidentes.
A confusão ocorreu quando iniciou a apuração dos votos, feitas em cédulas de papel pelos 11 vereadores da Casa. A sessão era presidida por Santos Junior, que está no quinto mandato e já havia dado posse aos colegas.
No total, Santos Júnior teve quatro votos para a presidência e Victor, sete. Santos, no entanto, alegou que quatro votos de Victor estavam rasurados, por isso, não deveriam ser contabilizados, e, consequentemente, ele não havia ganhado a eleição para presidência.
Vídeos que circulam nas redes sociais mostram o tumulto e confusão na contagem dos votos. Até a Polícia Militar foi acionada e esteve no local. Procurada, a corporação ainda não se pronunciou sobre o assunto.
Santos Júnior disse que identificou as rasuras nas quatro cédulas e, com isso, os anulou. Ele diz, com convicção, ser o presidente eleito: “o presidente da Câmara sou eu. Segunda-feira estarei na Câmara, se eles quiserem, acionem a Justiça”.
As supostas rasuras teriam sido feitas com marcações para identificar quem havia votado em Victor. Foi neste momento que houve o tumulto. Com isso, Santos Junior se declarou presidente eleito e encerrou a sessão.
“Eu obtive quatro votos legais, sem nenhuma anormalidade. O vereador Victor teve três votos e tinham quatro votos com identificação. Alguns com asteriscos, outros com letras, quatro votos marcados. Quem faz o voto marcado está atingindo o sigilo do voto e o artigo 31 do Regimento Interno da Casa que diz que a votação é única e secreta”, disse Júnior.
Vereador Victor da Vip Celular posa com os colegas logo após se declarar presidente da Câmara de Caracaraí
Reprodução/Instagram/Victor_vipcelular
Já o vereador Victor, que está no segundo mandato consecutivo, contesta as declarações do seu opositor e diz ter ganhado a votação por sete votos.
“O regimento diz que a votação tem que ser secreta, com os votos impressos. Apesar de ser secreto, os meninos [veredaores] sempre se declararam para mim. Na hora da votação, eu tive sete votos e todos marcaram com um ‘X'”, disse.
Victor foi quem deu posse para a nova prefeita Diane, também do Solidariedade. A prefeita, segundo Santos Junior, teria se recusado a tomar posse caso o presidente da Casa fosse ele. Procurada, ela ainda não se manifestou sobre o assunto.
“Não aconteceu [de ter cédula rasurada]. Vale lembrar que no regimento diz que a votação tem que ser secreta, ela não diz a forma que você deve marcar. Lá não te nada de rasura, está tudo marcado certinho, com ‘X’, temos as fotos”, afirmou, acrescentando que: “no momento quem está na presidência da Câmara sou eu, porque tenho a maioria dos votos colegas vereadores.”
Prefeita de Caracaraí, Diane (SD), foi empossa pelo verador Victor da Vipc Celular
Repdoução/Facebook/Victor Celular Caracaraí
Santos Junior acusou Victor de ter tomado o envelope com as cédulas da mãe de uma servidora e rasgado as provas das supostas cédulas rasuradas. Victor não se pronunciou sobre isso.
Procurado, o presidente do Solidariedade em Roraima, deputado federal Ottaci Nascimento, informou que, “em respeito à autonomia do legislativo municipal de Caracaraí, não irá interferir de qualquer forma nos procedimentos realizados para a eleição da Mesa Diretora da Câmara Municipal daquele município, pois acredita que a Casa possui os mecanismos legais para sanar a questão de forma que o processo democrático seja respeitado.”

Ultimas notícias

Família recebe carta anônima com ameaça de morte à cachorra: ‘Vai morrer silenciosamente’

Uma família da zona sul de São Paulo vive um drama nos últimos dias. Eles receberam uma carta anônima dizendo que a cachorra da...

MPF investiga possível fraude na destinação do primeiro lote de vacina enviada a Manaus

O Ministério Público Federal (MPF) anunciou nesta quinta-feira, 21, que requisitou ao município de Manaus informações para apurar uma possível fraude na destinação do...

Mulher de Projota fala na web sobre participação do marido no BBB21: 'Difícil ficar sem ele'

Artista está na lista do programa e deixa a mulher e a filha, que moram em Itupeva (SP),...

Governador de Roraima nomeia irmão de deputada federal como secretário de Cultura

Shérisson Bruno Oliveira Pinheiro, de 34 anos, substitui Marksjohnson Castro Ferreira, de 27 anos, exonerado pelo governador Antonio...
Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com