Empresa muda o público alvo para sobreviver durante a crise com serviço de minimercado

Antes da pandemia, produtos eram vendidos dentro de carros de aplicativo. Agora, o modelo funciona dentro de condomínios. Startup muda o público alvo para sobreviver durante a crise com serviço de minimercado
Uma startup de São Paulo decidiu mudar o público alvo do negócio, um minimercado. Em vez de vender para passageiros de carros de aplicativo passou a oferecer produtos para moradores de condomínio. A mudança foi um sucesso.
Veja todos os vídeos do PEGN
O modelo não tem custo adicional para o condomínio. É uma parceria entre a empresa e o síndico para oferecer comodidade ao morador. Ele escolhe e paga o produto em uma plataforma e depois retira na gôndola.
O minimercado tem mais de 300 produtos. Em um condomínio em São Paulo, a operação começou em abril, no início da pandemia.
“O pessoal ficou um pouco receoso com essa solução, pelo fato de entrar pessoas estranhas no condomínio. Só que é melhor entrar duas ou três pessoas estranhas do que você encontrar outras dez no mercado”, diz o síndico Arnaldo Dorna.
Antes, o modelo de venda funcionava dentro de carros de aplicativo.
“A gente descobriu, através de pesquisas, que 25% dos passageiros assumiram já ter desviado as rotas para comprar alguma coisa em um posto de gasolina, numa farmácia, numa padaria”, conta o empresário Sebastian Lucca.
Para a comodidade do passageiro, o motorista oferecia entre 20 e 30 produtos dentro do carro. Só que veio o isolamento social.
“Esse mercado teve uma redução muito drástica: mais de 90% do número de corridas de aplicativo acabaram desaparecendo do mercado. E isso refletiu diretamente no nosso modelo”, explica Sebastian.
O minimercado é a prova de que a mudança de rota pode salvar uma operação. Em apenas seis meses, o novo modelo superou em dez vezes o antigo formato, em carros de aplicativo.
Foi quando a startup do Sebastian Lucca aumentou de 20 para 300 produtos oferecidos ao cliente. As reposições são semanais, mas, em alguns casos, é preciso repor duas ou três vezes por semana. Um algoritmo ajuda controlar o que falta.
Numenu
Email: [email protected]
Telefone: (11) 95046-3050
Facebook: www.facebook.com/numenustore
Instagram: www.instagram.com/numenustore/
www.numenu.info
Vídeos: Conheça empreendedores que estão superando a crise

Ultimas notícias

Vitreo bate R$ 8 bi sob gestão e aposta no ‘cashback’ para crescer

A gestora Vitreo, que no ano passado virou uma corretora após se associar ao grupo que administra a Empiricus (a união ainda está sendo...

Estado do Rio recebe quase 500 mil doses de CoronaVac

Cerca de 500 mil doses da vacina CoronaVac, desenvolvidas no Estado de São Paulo para a imunização e o combate à Covid-19, serão destinadas...

‘A vacina é do Brasil, não é de nenhum governador’, diz Bolsonaro

O presidente Jair Bolsonaro disse na manhã desta segunda-feira, 18, a apoiadores em frente ao Palácio da Alvorada, que a vacina CoronaVac, cujo uso...

O que era Trump representou para os EUA e para o Brasil

No próximo dia 20, EUA encerram quatro anos do governo republicano de Trump, período que provocou repercussões em...
Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com