Gusttavo Lima, Marília Mendonça e Luan Santana viram 'muros' no litoral de SP


Em menos de um ano, Ronaldo Moura, o Alemão Aerografia, já pintou os murais Gospel, Sertanejo e Sorria, em Peruíbe. Mural Sertanejo conta com grandes nomes, como Marília Mendonça e Naiara Azevedo
Reprodução/Instagram
O artista Ronaldo Moura, mais conhecido como Alemão Aerografia, de 35 anos, decidiu se dedicar a colorir e transformar os muros de Peruíbe, no litoral de São Paulo, criando painéis temáticos com rostos de celebridades de diversas áreas. Até o momento, ele criou os murais Gospel, Sertanejo e Sorria.
Ele revela que, além de deixar a cidade mais bonita, seu objetivo é aproximar os fãs dos famosos e também fazer uma homenagem. A iniciativa surgiu quando ele conseguiu permissão para pintar um muro no bairro Vila Erminda. Em cerca de dois meses, concluiu a pintura dos rostos de 15 cantores da música gospel.
Com o painel finalizado, ele decidiu aumentar ainda mais sua arte e fez um segundo Mural Gospel, com cerca de 20 rostos. Agora, ele já está indo para o terceiro muro e espera pintar, pelo menos, mais 40 artistas do ramo. Uma de suas recompensas é receber mensagens dos seus ídolos, pelas redes sociais, agradecendo a homenagem.
“Resolvi fazer esses murais temáticos em Peruíbe porque aqui era muito difícil ter arte desse jeito. Eu escuto muita música gospel, acredito que elas passam mensagens importantes, principalmente nessa época de pandemia. Eu gosto de colocar minha caixa de som e ficar escutando enquanto pinto”, explica o artista.
Alemão está há cerca de 10 meses pintando muros temáticos em Peruíbe, SP
Reprodução/Instagram
Mesmo com o Mural Gospel em andamento, Alemão decidiu dividir seu tempo e iniciar um novo projeto, que estava previsto desde 2019. Ele conseguiu um espaço no bairro Caraguava e começou a pintar o Mural Sertanejo, que conta com nomes como Luan Santana, Simone e Simaria, Gusttavo Lima, Marília Mendonça e outros.
“Essa é uma técnica muito complexa. O rosto é algo muito complicado de fazer. Qualquer traço que não fica muito legal, a pessoa já percebe. Tenho que ser bem realista e fiel aos detalhes, senão, não fica bacana. Para isso, uso uma técnica de aerografia. Dependendo do tamanho, demoro cerca de dois dias para pintar cada pessoa”, revela.
No ano passado, ele também iniciou o Mural Sorria, que conta com cinco rostos. Apesar de ter pintado durante a pandemia, ele garante que tomou todas as medidas de segurança necessárias, usando máscara de proteção e trabalhando sozinho. Ele aproveita as redes sociais para divulgar o passo a passo de cada obra.
“Comecei a pintar em 2001 e, hoje, consigo sobreviver da minha arte. Estou sempre aprimorando minha técnica e, além de famosos, faço desenhos de noivos, filhos, de tudo. Esses murais, estou fazendo por conta própria, para deixar a cidade mais bonita, e é uma forma de continuar treinando, também. Fico muito feliz com o reconhecimento, quando algum artista comenta nas fotos, é um troféu”, finaliza.
Alemão aproveita as redes sociais para publicar o andamento dos seus trabalhos
Reprodução/Instagram
Alemão ainda espera pintar um grande mural do humor no futuro
Reprodução/Instagram

Ultimas notícias

Associação de proteção aos animais de Casa Branca pede doações para construção de canil

Criada no início de 2020, a organização já ajudou mais de 80 animais com tratamentos veterinários, resgate, adoção...

Médico de 28 anos morto por Covid ficou quase um mês internado: 'Lutou até o final', diz irmã

Gillian Vitor Reis fez tomografia e constatou que pulmões estavam comprometidos no fim do ano. Médico do interior...

Exposição com 400 fotos da Viradouro ajuda a matar a saudade do carnaval carioca

Renata Xavier e Leandro Lucas registraram os últimos três anos da escola de samba. Imagens promovem um passeio...

Vídeo mostra reencontro entre mãe e filha após mais de 35 anos: 'Muita emoção'

Mãe e filha estavam há quase 38 anos separadas após menina ser levada pelo pai a outro estado....
Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com