Durante invasão ao Congresso, Twitter e Facebook bloqueiam posts de Trump

O Facebook, o Twitter e o YouTube agiram rápido e cercearam publicações do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, enquanto extremistas invadiam o Capitólio, sede do Congresso Nacional americano, nesta quarta-feira, 6. Enquanto o Twitter bloqueou o compartilhamento e apagou as postagens do mandatário, o YouTube e o Facebook removeram um vídeo do republicano, derrotado pelo democrata Joe Biden.

“Essa é uma situação emergencial e estamos tomando as medidas apropriadas, inclusive retirando o vídeo do presidente Trump”, escreveu Guy Rosen, vice-presidente de Integridade do Facebook, pelo Twitter. “Retiramos porque, fazendo um balanço, acreditamos que possa mais contribuir do que mitigar o risco de violência”, completou.

+ Siga o Radar Econômico no Twitter

Ultimas notícias

Turquia suspende voos do Brasil devido à variante do coronavírus, diz ministro turco

Vista do novo aeroporto de Istambul AP Photo/Emrah Gurel A Turquia suspendeu temporariamente os voos do Brasil devido ao...

Tierry conta detalhes de primeira vez com Gabi Martins: ‘Química gigante’

O cantor Tierry contou detalhes do seu relacionamento com Gabi Martins na noite de quinta-feira, 22. Após negar várias vezes o relacionamento com a...

‘Marcius Melhem quer provar inocência atirando em seus detratores’, diz Rafinha Bastos

Em entrevista ao programa Morning Show, da Jovem Pan, nesta sexta-feira, 22, o humorista Rafinha Bastos opinou sobre a determinação judicial que recebeu após...

Doria recua e fase vermelha na capital valerá a partir de segunda

O governador de São Paulo, João Doria, recuou em parte de sua decisão de colocar a capital paulista em fase vermelha a partir desta...
Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com