Irmã de goiana achada morta no apartamento do ex nos EUA reconhece corpo na funerária, diz mãe


Lídia Ferreira foi encontrada em 22 de dezembro passado. A polícia norte-americana suspeita que o homem a matou e se suicidou em seguida. Lídia Lúcia Ferreira Barbosa, 28 anos, encontrada morta em apartamento que seria do ex em São Francisco Califórnia EUA Goiás
Reprodução/Facebook
A irmã da goiana encontrada morta no apartamento do ex-namorado nos Estados Unidos reconheceu o corpo de Lídia Lúcia Ferreira Borges, de 28 anos, em uma funerária de El Paso, no estado da Califórnia, nesta quarta-feira (6).
A mãe da goiana, Leda Ferreira Barbosa, contou ao G1 que a outra filha passou o dia na funerária para resolver a burocracia envolvida na liberação do corpo. A família espera conseguir fazer o traslado dos Estados Unidos para Caldas Novas, no sul do estado, nos próximos dias.
“Como eu sou a mãe da Lídia e deveria fazer a liberação, precisei enviar uma procuração para a minha filha que está lá. Ela, inclusive, já reconheceu o corpo da irmã na funerária. Está embalsamada, pronta para vir para o Brasil”, explicou Leda Ferreira.
Lídia Ferreira foi encontrada morta no apartamento do ex-namorado em 22 de dezembro passado. A polícia norte-americana suspeita que o homem a matou e se enforcou em seguida.
A família é natural de Edéia, a 120 km de Goiânia, mas reside em Caldas Novas há mais de 20 anos. Lídia tinha se mudado para São Francisco, no estado da Califórnia, há mais de dois anos e trabalhava com limpeza de residências por aplicativo.
Goiana Lídia Lúcia é encontrada morta no apartamento do ex-namorado, nos Estados Unidos
Leidianne Ferreira/Arquivo Pessoal
Obsessão
Uma amiga que morava com a jovem há um ano e preferiu não ser identificada relatou que ela saiu para trabalhar e não voltou. Preocupada, chamou a polícia e passou informações sobre o trabalho que foi fazer. Em buscas pela cidade, os policiais encontraram o carro da goiana estacionado em frente ao prédio onde o ex-namorado morava.
O brasileiro que Lídia namorou aparentava ser uma pessoa tranquila, segundo a amiga que o conheceu pessoalmente. Porém, de acordo com a colega, quando a goiana terminou o relacionamento, há sete meses, o homem, que não teve a identidade divulgada, começou a persegui-la e ligar insistindo para reatar o namoro.
“Ele ficou obcecado por ela. Mas, em nenhum momento, demonstrou agressividade e não fez ameaças contra ela. Mesmo assim, nós a aconselhamos a prestar queixa contra ele, por causa das perseguições. Ela achou que não precisava no momento”, conta a colega.
Goiana Lídia Lúcia, de 28 anos, é encontrada morta no apartamento do ex-namorado nos EUA
Leidianne Ferreira/Arquivo Pessoal
VÍDEOS: últimas notícias de Goiás

Ultimas notícias

Projeto Alimento da Alma oferece cursos de longa duração, workshops e oficinas de formação em gastronomia; confira

Cursos de longa duração possuem 160 horas e são focados em ecogastronomia e sustentabilidade e outro em criatividade e empreendedorismo. Inscrições para...

BBB 21: Lucas Penteado ganha imunidade depois da primeira prova de resistência

Nego Di e Lucas Penteado foram os vencedores da primeira prova de resistência do BBB 21, eles resistiram 8h30 em pé em um banquinho...

‘Grandes influenciadores podem não ter o engajamento de uma pessoa que é micro’, explica especialista Manu Carvalho

A influenciadora e especialista em marketing migitial Manu Carvalho disse que, no momento, muitas empresas estão apostando em micro-influenciadores em vez de investirem em...

Por causa da pandemia, juiz não marca julgamento de acusado de matar youtuber, no Paraná

Isabelly Cristine Santos morreu após ser baleada em Pontal do Paraná, em fevereiro de 2018. Juiz justificou que...
Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com