Thiaguinho fatura R$ 2 bilhões por ano como empresário do ramo artístico, segundo Forbes

Além da música, a carreira do cantor Thiaguinho, de 38 anos, tem sido bem sucedida na área dos negócios. Segundo a Forbes, o ex-vocalista do Exaltasamba lucra cerca de R$ 2 bilhões ao ano como gestor. Em 2009, Thiaguinho fundou a editora Paz & Bem, que tem como foco a publicidade e a administração de suas músicas e obras. Durante a pandemia, a editora de 210 funcionários não demitiu ninguém nem contingenciou salários. Em entrevista à Forbes, o cantor afirmou que sempre buscou se manter estável financeiramente. “Sempre fomos muito organizados financeiramente, sempre tivemos preocupação com o caixa para que pudesse dar segurança caso acontecesse alguma coisa comigo. Conseguimos não mandar ninguém embora na nossa equipe, e isso me deixa muito feliz.”

Entre o portfólio de clientes da empresa estão multinacionais, marcas de bebidas alcoólicas e linhas esportivas, para as quais o cantor trabalha como garoto-propaganda e também opina em produtos. Em abril deste ano, Thiaguinho deixou a Som Livre e fundou sua própria gravadora, pela qual lançou seu mais recente trabalho, o segundo volume do álbum Infinito 2021. Apesar de até agora ter lançado apenas trabalhos autorais, o artista disse à Forbes que não descarta a possibilidade de trazer novas parcerias com músicos para o seu negócio. “Tudo vai depender do crescimento dela, mas seria uma honra. Sou um cara muito curioso nesse sentido de procurar artistas e compositores novos.”

Ultimas notícias