Após criticar Cuca, Hulk pede desculpas e afirma que respeita muito o técnico

O atacante Hulk, recém-contratado do Atlético-MG, criticou publicamente o técnico Cuca, que voltou a comandar o time no começo de março. O camisa 7 se queixou da falta de sequência desde a chegada do novo treinador. “Eu queria muito estar jogando no meu melhor nível. Acho que não é só você estar bem fisicamente. Você precisa de confiança, e confiança requer minutos jogados, requer jogos seguidos. Infelizmente, não estou tendo isso”, queixou o jogador em entrevista ao Globo Esporte, após a partida contra o Athletic, no sábado, 24. “Preciso de jogos, preciso de ritmo, preciso de confiança pra poder apresentar meu melhor futebol. Desde que o professor Cuca chegou aqui, acho que não tive uma sequência de três, quatro jogos seguidos”, reclamou. As declarações do atacante não caíram bem e foram rebatidas por Cuca.

Em coletiva após o final do jogo, Cuca explicou a posição de Hulk na partida. “Ontem eu tive uma conversa com ele antes do treinamento. Perguntei em qual posição ele queria jogar. Ficou decidido que ele iria jogar de 9. Depois, no decorrer do jogo, vi que ele estava com certa dificuldade ali, e coloquei ele na ponta direita, colocando o Sasha. Depois, vi que o lateral esquerdo estava avançando muito e trazendo perigo para nós. Aí coloquei o Savarino na direita, voltei o Hulk para centroavante”, explicou o treinador. “Como eu prometi para ele, ele iria jogar os 90 minutos, independente de bem ou mal, para ele ter essa segurança, para não ficar preocupado em ser substituído. Essa tranquilidade eu passei para ele”, disse.” A sequência de minutos é recíproca. Você dá a sequência de minutos quando você tem o jogador te dando todo o respaldo. Não que ele não esteja dando o respaldo. Mas eu, junto dele, tenho o Savarino que joga por ali, tenho o Savinho, tenho o Sasha, o Vargas. Então, são disputas que ocorrem. Eu tento ser o mais correto e coerente possível com todos”, assegurou. “Ele (Hulk) jogou praticamente todas as partidas comigo. Se não de titular, entrando nelas.”

Em vídeo publicado em suas redes sociais, Hulk afirmou que foi mal interpretado. “Passando aqui para esclarecer a respeito da minha entrevista que repercutiu bastante, infelizmente por um lado negativo, as pessoas criando como se eu tivesse algo contra o professor Cuca ou algo assim, jamais. Eu respeito demais o professor Cuca, respeito demais o profissional Cuca, ser humano Cuca, eu não tenho contra ele ou contra ninguém aqui, pelo contrário, eu trabalho respeitando todo mundo, buscando sempre o melhor”, iniciou. “Quando eu falei a questão da sequência, é a questão da confiança. Eu passei muito tempo fora do Brasil, eu voltei, são quase 16 anos fora então isso requer tempo de adaptação, mas eu me cobro bastante, eu me cobro a cada dia, a cada jogo, a cada jogo, para chegar no meu melhor nível e fazer valer todo o investimento que o Galo fez em mim. Eu tenho certeza que tudo vai dar certo, eu vou chegar no meu melhor nível”, disse o jogador.

Ultimas notícias

“Agora a marca falará com as mães”, diz criador da Galinha Pintadinha

Ao lado do sócio Juliano Prado, o publicitário Marcos Luporini criou a bem-sucedida personagem infantil Galinha Pintadinha. A avezinha azul está próxima de bater...

Marido de Paulo Gustavo publica foto de ‘Dona Hermínia’ em homenagem ao Dia das Mães

O marido de Paulo Gustavo, o dermatologista Thales Bretas, prestou homenagem ao Dia das Mães em seu perfil nas redes sociais, neste domingo, 9,...

Família dos EUA cria banda na quarentena e faz sucesso nas redes sociais

Uma família da cidade de Nova York resolveu passar o tempo do isolamento social usando suas habilidades com violão e guitarra para montar a...

Luiz Araújo se entusiasma com o São Paulo de Crespo e sonha em desbancar o PSG de Neymar

Formado nas categorias de base do São Paulo, Luiz Araújo deixou o clube há quase quatro anos, mas segue sem esquecer de suas raízes....
Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com