‘Mion não aguentará apresentar sete edições de A Fazenda como eu’, diz Britto Jr.

Em entrevista ao programa Pânico nesta terça-feira, 3, o jornalista Britto Júnior lembrou as sete edições em que comandou “A Fazenda” e não mediu críticas à atração. “É muita pressão, ‘A Fazenda’ tem uma direção frágil, insegura e incompetente. O principal objetivo dela é prejudicar o trabalho do âncora para que ele não apreça mais do que o esforço feito pela própria direção e pela produção”. O antigo apresentador do programa revelou que, além do reality show exibido ao público, acontece informalmente outro reality nos bastidores da atração. “‘A Fazenda’ só teve sucesso no início porque era novidade, mas com o tempo os participantes começaram a traçar suas estratégias por entender como o jogo funciona. Por isso, o grande reality show acontece no ponto eletrônico do apresentador, é um negócio fora do comum, insano. A direção nos manda eliminar o jogador X,  pouco tempo depois muda de ideia e pede para eliminar o participante Y. Eles dão as informações erradas para nos confundir, causar suspense e o público acaba pensando que os apresentadores são loucos”.

Ainda durante a conversa, o jornalista reforçou que, segundo sua vivência, é “tão grande a pressão sofrida” no comando da atração que seu sucessor não deve aguentar por muito tempo. “Marcos Mion chorou porque não está mais aguentando, a direção fala muito na orelha dele. Está sendo vítima de toda essa pressão assim e não aguentará sete edições como eu aguentei. Ele está louco para apresentar outro programa que combine mais com sua personalidade, onde possa usar a criatividade porque, dentro de um reality show, especialmente em ‘A Fazenda’, o apresentador não tem condições de mostrar todo o seu talento”. Na última quinta-feira, 29, Mion não conteve as lágrimas e chorou ao vivo enquanto apresentava o reality show. Para Britto, comandar o programa é uma “perda de tempo. “Quando o jornalista se propõe a apresentar um reality show, empresta sua credibilidade e desperdiça tempo da sua carreira porque não ganha nada com isso”, disse.

Após 34 anos trabalhando como repórter e apresentador na televisão brasileira, Britto Júnior está apostando em novos caminhos profissionais. “Lancei um projeto completamente meu, o ‘O outro lado da notícia’. Nele, desenvolvo pílulas de notícias e crônicas eletrônicas que são divulgadas nas minhas redes sociais, tanto no YouTube, quanto no Instagram. Atualmente faço tudo sozinho, escolho a pauta, edito, escrevo o texto e gravo, mas pretendo montar uma redação no futuro e veicular o ‘O outro lado da notícia’ na grande mídia”, concluiu.

Confira a entrevista com Britto Jr.:

Ultimas notícias

Fintech que opera no Brasil desde outubro ganha aporte de R$ 210 milhões

A fintech australiana Stake acaba de receber um aporte de 210 milhões de reais para financiar seu processo de expansão global. A empresa, que desembarcou...

Robinson Shiba, fundador do China in Box, reaparece mais de dois anos após acidente

O empresário Robinson Shiba, fundador do China in Box e Gendai, reapareceu publicamente no domingo, 16, pela primeira vez após um acidente de moto...

Viúva de MC Kevin conta por que brigou com o cantor antes do acidente

A advogada Deolane Bezerra, viúva do cantor MC Kevin, fez um discurso no velório do funkeiro, que foi aberto ao público e aconteceu nesta...

Flordelis aparece cantando e brincando ao lado de influencer no RJ: ‘Para fazer o povo rir’

A deputada Flordelis, apontada pela polícia como mentora da morte do próprio marido, o pastor Anderson do Carmo, no ano de 2019, voltou a...
Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com