Sem Neymar, PSG vence o Saint-Étienne com show de Mbappé e gol no último lance

Em um jogo movimentado, emocionante, com cinco gols, alternância de placar e decidido no último lance, o Paris Saint-Germain contou com o brilho de Mbappé para derrotar o Saint-Étienne por 3 a 2 neste domingo. Sem Neymar, suspenso, o jovem atacante assumiu mais uma vez o protagonismo e comandou o triunfo em casa pela 33ª rodada do Campeonato Francês. A vitória suada, conquistada apenas nos acréscimos, com um gol do argentino Mauro Icardi, deixa o PSG com 69 pontos, um a menos do que o líder Lille, que empatou na abertura da rodada, sexta-feira, e viu sua vantagem na ponta diminuir. O Saint-Étienne é o 13º colocado, com 40 pontos.

Em meio às semifinais da Liga dos Campeões, o time parisiense terá cinco rodadas para tirar a diferença em relação ao líder e buscar o tetracampeonato francês. O Lille tem vantagem em caso de empate na pontuação devido ao critério de desempate no confronto direto. Depois de um primeiro sonolento, de poucos lances de perigo, o jogo ganhou em emoção e qualidade na etapa final, período em que saíram os cinco gols da partida. O técnico Mauricio Pochettino colocou Verrati, Di Maria e Icardi na metade do segundo tempo e sua equipe melhorou. No entanto, foram os visitantes que saíram na frente. Ex-lateral do Flamengo, o peruano Trauco fez um cruzamento preciso para Bouanga, que apareceu com espaço na pequena área e bateu colocado para abrir o placar aos 32 minutos. Os anfitriões responderam no minuto seguinte: Mbappé, que foi lançado após a saída de bola, dominou e finalizou na saída do goleiro Green.

A virada veio de pênalti. Mbappé foi lançado, invadiu a área, tentou driblar Green e caiu. O árbitro não hesitou e marcou a penalidade. Na cobrança, o astro francês bateu forte, no canto esquerdo, e estufou as redes para deixar o PSG em vantagem aos 41 minutos. Aos 46, porém, o Saint-Étienne empatou. Bouanga arrematou de fora da área, Rico defendeu, mas deu rebote no pé de Hamouma, que empurrou para o gol e deixou tudo igual. Insistente, os donos da casa mandaram uma bola na trave aos 48 minutos e chegaram ao gol da vitória aos 49, no último lance, com Icardi. Di María fez bela jogada individual e cruzou na medida para o atacante argentino cabecear com estilo e garantir o triunfo em Paris. “Um jogo louco. Vitória”, comemorou o Paris em suas redes sociais.

*Com informações do Estadão Conteúdo

Ultimas notícias

Bruno Covas posa do hospital e diz ‘não baixar a cabeça’ na luta contra o câncer

Prefeito licenciado da cidade de São Paulo, Bruno Covas (PSDB) usou as redes sociais para postar uma foto sua no Hospital Sírio Libanês, onde...

Juliette, Gil do Vigor e Sabrina Sato: Veja as mensagens dos famosos no Dia das Mães

No recém-finalizado “BBB 21”, o economista Gilberto, conhecido como Gil do Vigor, sempre falava de sua “mainha”. Graças à fama proporcionada pelo filho, dona...

“Agora a marca falará com as mães”, diz criador da Galinha Pintadinha

Ao lado do sócio Juliano Prado, o publicitário Marcos Luporini criou a bem-sucedida personagem infantil Galinha Pintadinha. A avezinha azul está próxima de bater...

Marido de Paulo Gustavo publica foto de ‘Dona Hermínia’ em homenagem ao Dia das Mães

O marido de Paulo Gustavo, o dermatologista Thales Bretas, prestou homenagem ao Dia das Mães em seu perfil nas redes sociais, neste domingo, 9,...
Social Media Auto Publish Powered By : XYZScripts.com