More

    Ministério da Saúde aprova aplicação de dose de reforço em profissionais da saúde

    O Ministério da Saúde anunciou nesta sexta, 24, que aprovou a aplicação de uma terceira dose, de reforço, da vacina contra a Covid-19 em profissionais da saúde. Anteriormente, apenas idosos com mais de 70 anos e imunossuprimidos poderiam receber uma dose extra, segundo a pasta. O anúncio foi feito pelo ministro Marcelo Queiroga através das redes sociais. “Acabamos de aprovar a dose de reforço para profissionais de saúde, preferencialmente com a Pfizer, a partir de seis meses após a imunização completa. Essa já é a maior campanha de vacinação da história do Brasil”, disse Queiroga.

    A vacinação dos outros dois públicos foi liberada pelo governo a partir do dia 15 de setembro. Para os idosos, a dose de reforço foi permitida contanto que a segunda tenha sido recebida há mais de seis meses. Imunossuprimidos (pessoas com HIV, que passaram por transplante de órgão ou medula, ou com outros problemas que enfraquecem o sistema imunológico) poderão receber a dose extra caso tenham completado o esquema vacinal há ao menos 28 dias. Em São Paulo, os profissionais da saúde poderiam receber a terceira dose na ‘xepa’ das vacinas.

    Ultimas notícias

    Custo de produção: o que é e para que serve?

    O vocabulário do mundo empresarial é extenso e por vezes pode te deixar confuso. Não sabe o que é o custo de...

    Cuidando das unhas com óleos essenciais

    Não é novidade que óleos essenciais são grandes aliados para cuidar da beleza, não é mesmo? Por essa razão, a Diva do...

    Diferenças entre criptomoeda e moeda digital.

    Como muitas pessoas não entendem de maneira clara esses termos, Márcio Alaor de Araujo trouxe a explicação para todo mundo conseguir...

    TikTok e a moda 2021 (Fenômeno na Internet)

    Um tema bastante atual e relevante na visão da grande fashionista Deise Zuqui, que vê o TikTok como uma forma de inovação...